7 de março de 2018 –

5S para um ambiente de trabalho mais eficiente

Um dos maiores desafios corporativos é manter o desenvolvimento constante dentro da organização, eliminando os desperdícios e aumentando a produtividade. Esse cenário faz parte do Controle da Qualidade Total, mas nem sempre o que se expressa na teoria é atingível na prática. E quando o objetivo não foi alcançado, onde está o erro? Falha na comunicação? Falta de capacitação profissional? Falta de controle e acompanhamento das metas traçadas?

Para muitas empresas que buscam o avanço contínuo, investir no 5S é um dos primeiros passos para manter o ambiente de trabalho eficiente, aprimorar as ações e apresentar melhorias destinadas à qualidade total, como organização, limpeza e padronização.
A ferramenta é fácil de ser entendida e pode ser aplicada em empresas de vários segmentos e estruturas, setor privado ou público e a simples assimilação permite também, que profissionais de diferentes níveis possam compreender da melhor maneira possível, desde grandes executivos aos operários.

Ao implementar o programa 5S os resultados começam a aparecer em pouco tempo, principalmente por permitir que as pessoas identifiquem com mais facilidade os possíveis pontos de erros, objetos fora do lugar, fatores que muitas vezes atrasam processos e os problemas que não estão recebendo a devida atenção.
A denominação 5S vem de cinco palavras japonesas e são traduzidas como “sensos”, que no latim significa: órgão do sentido, faculdade de sentir, sensação e pensamento. São elas: Seiri, Seiton, Seiso, Seiketso e Shitsuke.

SEIRI

O Seiri significa senso de organização e descarte. Esta primeira etapa tem por objetivo tornar o ambiente de trabalho mais útil e menos tumultuado, com somente objetos, ferramentas, documentos e materiais disponíveis do que realmente se usa mais. Para isso é preciso fazer um levantamento do que não é usado com frequência e liberar o devido espaço, assim tornará o ambiente de trabalho mais organizado de acordo com as necessidades fundamentais.

SEITON

Após este levantamento vem o Seiton. Este visa dar um senso maior de organização, recolocando os objetos que são menos utilizados devidamente em seus lugares e em local que fiquem etiquetados, desde mesas, documentos antigos, arquivo morto, etc..

Uma boa ideia é identificar e classificar os objetos a serem reorganizados; a sinalização correta do ambiente de trabalho também é uma de suas propostas, afinal, a premissa do Seiton é: “o que não está classificado não está organizado”.

SEISO

O terceiro S é o Seiso e está ligado às atividades de limpeza como um todo, desde as estações de trabalho ao pátio da organização. Neste senso é necessário fazer um levantamento cauteloso do local de trabalho em busca de atividades que geram sujeira ou qualquer elemento que possa causar algum distúrbio ou desconforto (como mal cheiro, falhas ou barulhos). O resultado é um local limpo e arrumado proporcionando maior satisfação aos colaboradores. Um ambiente organizado precisa estar limpo, e por isso, nessa etapa do 5S, é responsabilidade de cada funcionário da empresa manter seu próprio espaço e objetos de trabalho organizados.

SEIKETSU

O Seiketsu é o quarto conceito da metodologia 5S e consiste em realizar a manutenção dos três primeiros Sensos, proporcionando melhorias constantes. Nessa etapa é preciso definir os responsáveis pela continuidade das ações das etapas iniciais e então transformar isso em uma rotina, estabelecendo normas sempre que necessário. Além disso, esse senso também diz respeito à apresentação pessoal, de modo que os colaboradores estejam sempre de acordo com as regras de aparência definidas pela empresa, destacando a saúde como fator direto da segurança.

SHEITSUKE

E o quinto e último S é o Sheitsuke, que é um princípio que trata sobre cada um dos colaboradores, exigindo autodisciplina e um nível de comprometimento maior. Provavelmente esse senso seja uma das mais difíceis etapas do 5S por estar relacionado à permanência das melhorias realizadas na empresa. Mas sendo compreendido como uma filosofia de vida e de trabalho, a ferramenta oferece melhorias a médio e longo prazo, além de beneficiar a qualidade de vida de todos, gerando mais resultados para organização.

Aplicado corretamente, o 5S tem o poder de melhorar o aproveitamento profissional de todos os colaboradores, que desfrutarão de um ambiente organizado, limpo e propício para o desenvolvimento produtivo e a prática da melhoria contínua.

 

Conheça o treinamento de 5S ofertado pelo Gemba Group e inscreva-se!

Escola Gemba

Artigos Relacionados

21/11/2017 –

Ingressar no mercado de trabalho ou permanecer atualizado às novas oportunidades requer entender as tendências e se situar perante disso….

Gemba

Próximos Cursos

Somos o primeiro Centro de Excelência em Lean & Six Sigma do Brasil. Contamos com um portfólio de mais de 200 treinamentos, em 8 áreas de atuação para você que quer dar uma impulsionada na sua carreira! Confira.

EXCEL INTERMEDIÁRIO

24/10/2018

8hs

08h às 17hs

O curso tem por objetivo familiarizar o usuário com a ferramenta do Excel.

MAIS INFORMAÇÕES

EXCEL AVANÇADO

25/10/2018

8hs

08h às 17hs

O curso tem por objetivo familiarizar o usuário com a ferramenta do Excel.

MAIS INFORMAÇÕES

FORMAÇÃO DE WHITE BELT

25/10/2018

8hs

08h às 17hs

Neste programa de formação a nível WHITE BELT será apresentado uma visão geral sobre a filosofia Lean Six Sigma.

MAIS INFORMAÇÕES